Neca Baldi (*)

IMG-4304

No dia 16 de dezembro, nossa escola completa 29 anos de existência. Lá atrás, em dezembro de 1988, tivemos garra e coragem de fechar o contrato de aluguel da casa da Paulino Teixeira para empreender em educação. Sim, coragem é a palavra certa. Muito mais óbvio e fácil seria abrirmos uma “loja” qualquer, como dizia nosso falecido pai… Investir em educação em um país que não a prioriza, nem sequer a valoriza ou lhe dá incentivos, é um ato de coragem gigantesco! Mas, como educadoras que sempre fomos, o óbvio para nós era criar um espaço que proporcionasse às crianças aprendizagens com significado, uma escola “grande em ensino e afeto”.

Fisicamente, nossa escola segue pequena. Pois é, ainda tem isso: os nossos casarões têm uma estrutura enxuta, com espaços restritos. Nem de longe, conseguimos competir com a estrutura física dos que se anunciam como nossos concorrentes. Mas o mais gratificante e bacana de tudo é que nossa grandiosidade – e aqui ouso me despir de qualquer resquício de humildade – está no trabalho que desenvolvemos: sério, atento aos detalhes, cuidado, incansável e intenso. Está no acompanhamento diário de nossos alunos e alunas e na formação constante dedicada à equipe docente. Está na atenção às famílias e no investimento às relações interpessoais, buscando incentivar um convívio cooperativo entre os diferentes segmentos da escola. Está na arte e na vida cheia de desafios, afetos, caminhos, fantasias e brincadeiras que se vive dentro da escola.

IMG-5099

Na Projeto, a formação se dá de forma integral, ou seja, cuida-se da criança inteira, trabalhando para seu desenvolvimento cognitivo, corporal, cultural e humano. Nossos alunos e alunas saem daqui já podendo voar lindamente pelo mundo afora. A bagagem que levam consigo é de peso e para toda a vida. Afinal, são tantos estudos e descobertas, passeios e visitas, livros com alegria e feiras do livro, sábados culturais e encontros com artistas – escritores, ilustradores, músicos e artistas visuais -, shows e mostras de teatro, de ciências e de arte, conhecimentos construídos e experiências vividas, que é difícil enumerar!

E agora, quase três décadas depois, esses alunos e alunas estão começando a voltar, não mais apenas para matar as saudades e tirar fotos, que vão parar na galeria de visitas de ex-alunos, mas para trazerem seus filhos e filhas para estudarem conosco.

Por essas e por outras, como num ato de resistência, seguimos firmes e fortes, para fazer a diferença na vida de quem passar por aqui!

Tenho orgulho deste PROJETO! Estou feliz pelos 29 anos e feliz com as parcerias de trabalho e amizades, construídas nessa trajetória.

Em frente! Rumo aos 30 anos!

 

(*) Diretora da Projeto