Você sabia que a Escola Projeto tem uma revista anual produzida pelos alunos e alunas da educação infantil e do ensino fundamental? Sim. É a Revista Por Dentro da Escola, uma publicação (agora) online criada para reunir ações pedagógicas da escola relacionadas a um determinado tema escolhido, contemplando turma por turma. E o melhor: com ilustrações, reportagens, fotos e conteúdos criados pelas próprias crianças. Com um design leve e colorido (da Turya Elisa Moog), você consegue navegar por acontecimentos da escola, relatados e comentados pelas diferentes turmas, através da tela do computador ou do celular. Esse ano a temática da revista é “Cultura da Projeto”, uma forma de mostrar para as famílias e para a comunidade o modo como a escola trabalha uma educação com o propósito de compreender o mundo, contemplando, em cada projeto desenvolvido em sala de aula, um ensino que possa oportunizar aos alunos e alunas exercícios de cidadania, ligados ao ambiente que os cerca e na perspectiva de pensar transformações da sociedade para melhor.

Agora você só precisa fazer um dever de casa: reservar uma horinha do seu dia para passear pelas páginas que as crianças ajudaram a produzir. Aqui a gente mostra alguns destaques dessa edição para deixá-lo morrendo de vontade de partir para leitura. Conta pra gente depois o que você achou!

1# O novo mundo: muitos deles chegam ainda de fraldas na escola. São os nossos pequenos e pequenas do Grupo 1. Nessa idade, entre 1 e 2 anos, nosso prédio na Rua Paulino Teixeira é certamente um dos primeiros passos fora do ambiente familiar. E transformar esses passos em uma experiência lúdica é nossa missão. Na revista, a gente mostra como, com muitas fotos que são pura fofura

2# Baú de Alimentos e Brincadeiras e Brinquedos de Antigamente: um jeito de ser Projeto é aproximar o cotidiano de casa do da escola e vice-versa, como forma de ensinar dentro do contexto das crianças e com envolvimento das famílias. No Grupo 2A isso fica evidente com o projeto Baú de Alimentos e, no Grupo 3, com o projeto Brinquedos e Brincadeiras de Antigamente. Mas a gente não vai contar. Tem que ir lá na revista ver que bacana que é essa ideia.

3# Lanche coletivo: outro marco da nossa cultura é promover a experiência de partilha do lanche. E as crianças do Grupo 2B é que ficaram com a missão de contar essa história. Vem ver!

4# Pequenos cientistas: nas páginas 10 e 11 da revista, os “repórteres” do Grupo 4 desvendam o universo fabuloso das descobertas científicas de alunos e alunas da educação infantil da Projeto. Eles e elas vasculham os “livrões” de registro de cada turma e mostram, em primeira mão, o que estão pesquisando este ano. É ciência.

5# Brincar, brincar e brincar: reservamos duas páginas da revista para o Grupo 4 / 5 contar porque a hora do pátio – que é hora mesmo: 60 minutos – é tão importante na educação infantil!

6# Ler, ler e ler: a matéria do Grupo 5 revela os bastidores de outra prática que está no DNA da escola: a leitura.

7# Por dentro da escola: nos 1ºs anos do ensino fundamental, o rito de passagem para o outro prédio da escola, com outros rostos e desafios, é marcado com o estudo desse novo ambiente. Está na cultura da escola aprender não só com os professores e professoras, mas também com colegas, com funcionários ou funcionárias e com visitas convidadas. Um mundo novo a desbravar que você pode acompanhar na reportagem das turmas 11, 12 e 13.

8# Preservar e cuidar: cultura, pelas ciências sociais, é o conjunto de ideias, comportamentos e práticas sociais, e nossa “equipe de reportagem” do 2º ano mostra como o meio ambiente é tratado dentro da escola. Inspirador!

9# Intercambiar informações: entrevistas coletivas na escola? Sim! Entrevistas individuais? Também! Nossos “jornalistas” do 3º ano adoram entrevistar e receber visitas para aprender mais sobre a história de Porto Alegre ou mesmo sobre culturas de outros continentes. Vem ver com quem eles falaram. De morrer de orgulho. Teve entrevistado até da Noruega. Demais!

10# Arigatô!: em ano de autora homenageada descendente de japonês, a Lúcia Hiratsuka, as turmas do 4º tiveram a desculpa perfeita para mergulhar na cultura do país oriental. Inspiradas nos livros da escritora e ilustradora, eles fazem um verdadeiro dossiê sobre o Japão. Ficou lindo!

11# Interseccionalidades: finalmente, o passeio pela revista vai lhe valer um verdadeiro presente: além do relato sobre suas aprendizagens relativas à cultura africana, com reflexões sobre o racismo vivenciado no cotidiano pelas pessoas negras, a turma 52 traz uma lista com filmes e livros que você precisa conhecer para pensar sobre a condição de vida da população negra ontem e hoje. E a turma 51 faz uma retrospectiva da história dos povos indígenas no nosso Estado. Pra ninguém esquecer. Uma educação que, de fato, ajuda a compreender o mundo, não é?

leia a revista no link abaixo